O líder do PP na Câmara dos Deputados, Arthur Lira (AL), afirmou neste sábado  29 que a prorrogação do auxílio emergencial será anunciada na próxima terça-feira 1º.

“Na terça-feira vamos ao Palácio da Alvorada anunciar, junto com o presidente Jair Bolsonaro, a prorrogação do auxílio emergencial, benefício tão importante para milhões de brasileiros que precisam dessa ajuda para enfrentar esse período da pandemia”, escreveu ele no Twitter. 

É previsto que o governo estenda o auxílio até o fim de 2020, com quatro parcelas de R$ 300. A ideia é que o auxílio faça uma transição suave até a definição do Renda Brasil, novo programa social que substituirá o Bolsa Família. 

Nesta sexta 28, o ministro da Economia Paulo Guedes afirmou que é necessária a manutenção do consumo de famílias de menor renda. 

“Esse consumo de baixa renda tem que ter um pouso suave, não pode cair do auxílio emergencial de R$ 600 para uma interrupção abrupta”, declarou. 

O desenho do Renda Brasil tem sido tema de debate no governo. Nesta quarta-feira 26, Bolsonaro criticou abertamente a primeira proposta da equipe econômica, que previa o fim do abono salarial para conseguir o orçamento necessário para o novo programa sem estourar o teto de gastos.

“A proposta que a equipe econômica apareceu pra mim não será enviada ao Parlamento”, disse Bolsonaro em visita à Ipatinga, Minas Gerais. “Não posso tirar de pobres para dar para paupérrimos”.

*Com informações da CNN Brasil